sábado, 29 de janeiro de 2011

Depois da rotina engolir

E as ideias brilhantes sintetizadas nas melhores palavras vêm me visitar justo quando estou escovando os dentes atrasada para sair de casa ou durante um show, quando não existem canetas por perto. Surge então o conflito: boas ideias em horas ruins são mesmo tão boas assim? Dá um vazio esse negócio de não lembrar o que eu sei que já pensei. Essas palavras não escritas dissolvidas no meio da rotina vão pra onde? Elas ficam lá por quanto tempo? Voltam?

3 comentários:

  1. Vou te dar um bloquinho e uma canetinha pra vc ter sempre onde anotar as ideias que te visitarem nas horas ruins!

    ResponderExcluir
  2. Pode ser um bloquinho Fotopresente... viu?

    ResponderExcluir